Notícias

01/10/2015

Ações socioeducativas aproximam o setor dos clientes

Tornar o passageiro mais consciente do seu papel para a melhoria da mobilidade urbana e o cuidado com o transporte público, essencial para sociedade, são alguns dos objetivos de ações que a Fetranspor Social promove e de que participa para aproximar as empresas de seus clientes.

 

Uma dessas ações é a série de palestras que abrangeram, desde maio até hoje, 17 mil alunos de escolas públicas municipais e estaduais da Barra da Tijuca, Taquara, Praça Seca, Campo Grande e Inhoaíba, além de professores, diretores e pais dos estudantes. Este é o resultado de uma parceria com as CREs – Coordenarias Regionais de Educação do Rio de Janeiro – e a Secretaria Estadual de Educação – SEEDUC.

 

Foto: Jorge dos Santos

Foto: Jorge dos Santos

 

Estabelecer essa relação com os estudantes é essencial para minimizar os riscos de acidentes no transporte público e incentivar atitudes de cidadania e respeito no espaço público. Para isso foram debatidos temas como travessia fora da faixa de pedestre, depredação do bem público, atenção à sinalização, invasão das estações, cordialidade, curiosidades sobre o sistema BRT, bilhetagem eletrônica e assédio no transporte público. Ações como essa abrem as portas para uma nova relação entre comunidades, empresas e Consórcio BRT.

 

Outra forma de estar próxima do cliente é por meio de ações sociais como o Fetranspor Social na Comunidade, que, através de parcerias com ALERJ (líder do Fórum Permanente de Desenvolvimento Estratégico do Estado) atua no Complexo da Maré. Eventos como Ação Global – com a Firjan e Rede Globo – abrangem diferentes cidades do Estado – como Vassouras e Tanguá – além de diferentes regiões do município do Rio de Janeiro. Em 2015, foram atendidas mais de 11.000 pessoas, em nove ações que contaram com apoio de equipes da UCT, do RioCard, do Consórcio BRT e do Instituto JCA.