Notícias

03/06/2016

BRT realiza visita técnica para jornalistas de todo o Brasil

Em parceria com o Consórcio BRT do Rio de Janeiro, a Mercedes-Benz promoveu, no dia 2 de maio, evento com jornalistas de diferentes cidades do Brasil, para apresentar o O 500 MDA, modelo superarticulado que integrará a frota do BRT carioca, reforçando os corredores Transolímpica e Transoeste, este no trecho do Lote Zero. Serão mais 50 veículos com alta capacidade de transporte e tecnologia de ponta, contribuindo com mais conforto e segurança para a população.

 

Foto: Juliana Marques

Foto: Juliana Marques

 

Além de viajarem em um superarticulado pelo corredor Transoeste até a estação Golfo Olímpico, onde foi realizada a coletiva de imprensa, e conhecerem parte do trecho do Transolímpica, passando pelo novo Terminal Centro Olímpico e pelas instalações esportivas construídas para a Olimpíada 2016, os convidados estiveram no Centro de Controle Operacional (CCO), recebidos pelo gerente de Infraestrutura, Alexandre Castro. O funcionamento das linhas alimentadoras, a importância do apoio das redes sociais do BRT na operação, que conta com mais de 200 mil seguidores, equipes de segurança, TI, gestão de qualidade e de comunicação, tudo foi apresentado, com dúvidas e curiosidades respondidas.

 

“A principal preocupação de um centro de controle como esse é manter a frequência do serviço, porque qualquer problema pode atrapalhar a operação do dia inteiro”, explica Castro. São mais de 600 câmeras em todo o sistema BRT e o CCO ainda reserva um espaço para um posto da Guarda Municipal e também para a equipe de apoio viário, que controla os reboques localizados em posições estratégicas ao longo dos corredores.

 

Foto: Juliana Marques

Foto: Juliana Marques

 

Castro também falou sobre a operação e sobre uma das novidades tecnológicas, que pode ser incorporada ao trabalho de campo em breve. “Temos operações diferenciadas para eventos, dias úteis e fins de semana, durante 24 horas. Estamos testando um programa para ajudar a controlar os horários de cada veículo, mantendo a operação cada vez mais regular. A ideia é que isso esteja nos ônibus também orientando os motoristas, para que saibam se estão adiantados ou atrasados. Esperamos que esteja funcionando até o fim do ano”, explicou.