Notícias

14/04/2020

Coronavírus: cidade do Rio tem novos horários de funcionamento para comércio essencial e indústria

A Prefeitura do Rio de Janeiro publicou, no Diário Oficial do Município, segunda-feira, dia 13 de abril, o decreto 47.359, que define os novos horários de funcionamento do comércio essencial e da indústria na cidade. Mercados e hortifrutis terão que colocar em suas portas cartazes com os horários de abertura e encerramento das atividades.

O escalonamento de horários foi uma decisão para evitar aglomeração de pessoas no transporte público e em estabelecimentos, tendo em vista a necessidade de distanciamento social para diminuir o contágio do novo coronavírus e achatar a curva do pico da Covid-19, para não haver colapso no sistema de saúde.

O texto do decreto determina que a indústria passa a ter expediente iniciando antes das 6h e encerrando até as 21h. As atividades com mais de dois turnos de trabalho não precisarão cumprir o horário de fechamento às 21h.
O anúncio da nova medida foi feito na semana passada. Em edição extraordinária do Diário Oficial, publicada dia 7 de abril, foram divulgados os horários escalonados, para funcionamento do comércio e da indústria, que entraram em vigor dia 9. Agora, novas alterações foram feitas.

Confira os novos horários:

  • Padarias e confeitarias – das 5h às 20h
  • Mercados e mercearias – das 8h às 21h
  • Farmácias e drogarias – das 7h às 22h
  • Aviários, açougues, peixarias e hortifrutis – das 7h30 às 19h30
  • Lojas de conveniência de postos de combustíveis – das 8h às 20h
  • Lojas de conveniência – das 10h às 18h
  • Agências bancárias e casas lotéricas – das 10h às 16h
  • Petshops – das 10h às 16h
  • Comércio de gás – das 11h às 20h
  • Lavanderias – das 11h às 20h
  • Materiais de construção – das 8h30 às 18h
  • Drive thru – das 12h às 00h
  • Indústria – antes das 6h às 21h
  • Distribuidoras – das 6h30 às 18h30
  • Depósitos – das 6h30 às 21h
  • Transportadoras – sem restrição
  • Outras prestações de serviço – sem restrição