Notícias

07/12/2016

Esclarecimentos da Fetranspor sobre a suspensão do Bilhete Único Intermunicipal

Sobre a suspensão do Bilhete Único Intermunicipal, a Fetranspor esclarece:

 

A Fetranspor informa que a suspensão dos repasses dos subsídios previstos no Bilhete Único Intermunicipal, concedido pelo Governo do Estado aos passageiros, vai provocar a paralisação de linhas importantes do serviço intermunicipal de passageiros na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

 

O Bilhete Único Intermunicipal representa, em média, 29% da receita das empresas de transporte por ônibus em todas as transações feitas com cartão eletrônico. Para efeito de comparação com os custos de operação, o percentual de 29% é superior ao segundo maior custo das empresas, o combustível (óleo diesel), que chega a 25% do total de despesas.

 

A falta de repasse dos subsídios do BUI agrava ainda mais a situação das empresas, que estão às vésperas de pagamento da segunda parcela do 13º salário (de 50%), prevista para o dia 20 deste mês, que pode não ocorrer.

 

O percentual do BUI na receita das empresas de ônibus intermunicipal pode chegar a 44%.

 

A Fetranspor acrescenta ainda que vai pedir a reconsideração da decisão da Justiça.