Notícias

24/05/2018

Falta de óleo diesel mantém empresas de transporte por ônibus em situação crítica

Em relação à crise no transporte público provocada pelo desabastecimento de óleo diesel, a Fetranspor esclarece:

 

– Levantamento nesta quinta-feira estima que entre 60% e 70% da frota está em circulação em todo o Estado;

 

– As empresas mantêm, desde o início da semana, o contingenciamento da frota, com a redução gradativa do número de ônibus em circulação;

 

– O abastecimento vem sendo feito de forma emergencial em postos de gasolina, mas a oferta de óleo diesel é cada vez menor;

 

– O combustível armazenado em veículos da reserva técnica ou que estão em manutenção preventiva estão sendo aproveitados pelas empresas;

 

– A alta no preço do óleo diesel é um fator que preocupa também o setor de transporte público, já que a variação foi em torno de 40% no último ano. Trata-se do segundo insumo de maior peso no custo de operação das empresas de transporte público.