Notícias

10/12/2020

Fetranspor critica veto ao auxílio às empresas de transporte

A Fetranspor considera que a decisão do Governo Federal demonstra a total falta de sensibilidade para o momento crítico pelo qual passa o transporte público, que vivencia a maior crise da sua história no Brasil, especialmente no Estado do Rio de Janeiro. O veto ao projeto de lei 3.364/2020 contraria totalmente o interesse público e vai agravar ainda mais o cenário atual, marcado pela incapacidade das operadoras de transporte de manter o atendimento adequado aos passageiros, prejudicando ainda mais a parcela da população que não pode ficar em isolamento social e contribui decisivamente para a retomada da economia.

Nove meses depois do início da pandemia de Covid-19, as empresas de transporte público estão fragilizadas e chegaram ao seu limite operacional e financeiro, não tendo mais condições de atender plenamente às necessidades de seus clientes. Sem ações consistentes da administração pública, o setor de transporte está cada vez mais distante da sua recuperação. Nas atuais condições, não é mais razoável que o sistema de transporte dependa exclusivamente da tarifa como forma de financiamento, em um momento em que o passageiro convive com a diminuição de renda, suspensão de contrato de trabalho e desemprego.