Notícias

09/07/2015

Fetranspor participa de Seminário Rio Metropolitano – Desafios Compartilhados

Após quatro ciclos debatendo temas de interesse metropolitano como saneamento, mobilidade, segurança e saúde, a Câmara Metropolitana de Integração Governamental e o Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade promoveram no Teatro Sesi, no dia 9 de julho, a edição final do Seminário Rio Metropolitano – Desafios Compartilhados.

 

O encontro teve como tema a participação do setor privado e trouxe para debate um balanço das parcerias público privadas no Brasil. O Seminário abordou ainda o panorama da maior PPP atual, que vem remodelando a Zona Portuária do Rio, além dos programas de PPP em pauta no governo estadual.

 

Foto: Jorge dos Santos

Foto: Jorge dos Santos

 

O encontro reuniu especialistas e contou com a participação do diretor executivo da Câmara Metropolitana, Vicente Loureiro; do presidente da Firjan, Eduardo Eugênio Gouveia Vieira; do presidente executivo da Fetranspor, Lélis Marcos Teixeira; do diretor do IETS, Manuel Thedim; do presidente executivo da AEERJ (Associação das Empresas de Engenharia do Rio de Janeiro), Luiz Fernando Santos Reis; além do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão.

 

Durante o evento, o governador falou sobre os projetos para o Rio e que a criação da Câmara é importante para discussão de soluções para os problemas do Estado. “Se não resolvermos os problemas da Região Metropolitana, não vamos resolver os problemas da capital”, disse.

O presidente da Firjan, Eduardo Eugênio Vieira, ressaltou a importância da Câmara Metropolitana e criticou o modelo de administração adotado pelos municípios que hoje não atendem às demandas atuais. “A sociedade percebe com clareza que a divisão política estabelecida nas prefeituras não confere a possibilidade de oferecer os serviços necessários”.

 

Foto: Jorge dos Santos

Foto: Jorge dos Santos

 

O presidente executivo da Fetranspor, Lélis Teixeira, destacou o papel de diversos segmentos sociais e instituições na caminhada para a melhoria do transporte para a Região Metropolitana. Um dos projetos citados por Lélis foi o Bilhete Único Intermunicipal que “contribui para mobilidade sendo o único do país que integra todas as cidades dando ao usuário condições de igualdade no momento de conseguir emprego”.

 

A solenidade de abertura foi precedida pelo debate sobre o histórico das PPP’s no Brasil, além dos projetos prioritários pelo governo do Estado que podem ser desenvolvidos por meio de parcerias público-privadas ou concessões. No campo da mobilidade, destaque para iniciativas como a Linha 2 do Metrô, que liga a Estação Carioca até a Praça XV; a Linha 3; o VLT, além de projetos de BRT para a Baixada Fluminense.

 

Na mesa de debatedores, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços do Rio, Marco Antonio Capute; do subsecretário de Projetos Estruturantes da Secretaria Especial de Concessões e Parcerias Publico Privadas da prefeitura do Rio, Gustavo Guerrante; e de Eduardo Salgado Viegas, representando o Conselho Empresaria do Sistema Firjan.