Notícias

24/07/2015

Fórum Fetranspor Social: Perspectivas para o transporte público em debate

Compartilhar as experiências e as tendências do transporte público para os próximos anos. Esse foi o mote do Fórum Fetranspor Social realizado no último dia 23, no auditório da UCT. O evento reuniu o presidente-executivo da Federação, Lélis Teixeira; a diretora de Mobilidade Urbana, Richele Cabral; além de Victoria Roza, Fabio Rosa e Wanderson Nogueira, participantes do programa Diálogo Jovem sobre Mobilidade. Todos eles estiveram no Congresso Mundial da UITP, realizado no mês passado na cidade de Milão, na Itália.

 

Foto: Jorge dos Santos

Foto: Jorge dos Santos

 

O presidente executivo abriu o Fórum falando sobre as principais tendências apresentadas tanto no Congresso quanto na Feira. Lélis destacou a diminuição da taxa de motorização nas cidades de Copenhague e Amsterdã com maior integração das bicicletas ao transporte público. Além disso, abordou a expansão do uso de tecnologias sustentáveis no que tange a propulsão dos ônibus, com a adoção de veículos elétricos e híbridos. O presidente mostrou ainda o papel de destaque da mobilidade do Rio de Janeiro frente outras cidades latino americanas. “Com os investimentos, o Rio quebra o paradigma e mostra um novo modelo de cidade com a ocupação do espaço urbano”.

 

Richele Cabral falou sobre o lema do Congresso “Smile in the City” com a palavra “Smile” apresentando os caminhos para a melhoria das cidades como investimentos em soluções de mobilidade sustentável, inovadoras, capazes de mudar e melhorar o estilo de vida das pessoas, sendo implantadas de forma econômica. Richele também lembrou o trabalho da UITP para dobrar o uso do transporte público até 2025 e exemplificou. “Em Oslo, houve aumento de 60% no uso do transporte público nos últimos anos. Para isso acontecer é necessária a combinação de uma série de fatores”.

 

Foto: Jorge dos Santos

Foto: Jorge dos Santos

 

A participação dos jovens também mereceu destaque. Denominado Diálogo Jovem pelo Mundo, os três relataram a passagem pelo Congresso, quando tiveram a oportunidade de participar de atividades com jovens de outros países e também das visitas a algumas capitais europeias onde conheceram os sistemas de transportes e suas características. Também houve a apresentação dos vídeos participativos produzidos ao longo da jornada na Europa.