Notícias

22/05/2018

Greve dos caminhoneiros no Estado afeta abastecimento nas empresas de transporte por ônibus

A Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor) informa que a greve nacional dos caminhoneiros está afetando diretamente o abastecimento de óleo diesel das empresas de transporte público por ônibus em todo o Estado. O bloqueio montado em rodovias e terminais de distribuição de combustíveis impede a renovação dos estoques das empresas, que na maioria dos casos acontece diariamente.

 

Apesar dos esforços que estão sendo feitos para regularizar o abastecimento, há empresas que já estão com as operações limitadas, afetando os passageiros. O racionamento de combustível é uma medida adotada em caráter emergencial até a normalização da distribuição de óleo diesel, que depende do fim das manifestações. Se isso não ocorrer a curto prazo, há o risco de paralisação de todas as empresas.

 

A crescente oscilação do preço do óleo diesel é um fator que preocupa, também, o setor de transporte público. Nos últimos 15 meses, a variação do preço do combustível chegou próximo a 20%, o que vem pressionando os custos operacionais do setor de ônibus.

 

A Fetranspor acredita na rápida solução do problema para que o passageiro não seja prejudicado.