Notícias

06/06/2020

Nota: Retomada do transporte intermunicipal

Em relação à retomada do transporte intermunicipal de passageiros, a Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor) informa:

– As empresas que operam linhas intermunicipais com destino à cidade do Rio de Janeiro estão prontas para a retomada das operações, atendendo a todas as recomendações sanitárias estabelecidas pelas autoridades de saúde. As linhas intermunicipais dos municípios de Pinheiral, Barra Mansa e Volta Redonda permanecem com restrições de circulação.

– Os protocolos de saúde estão sendo seguidos à risca, para garantir maior segurança dos passageiros, com a distribuição de equipamentos de proteção individual aos colaboradores e a higienização diária da frota de ônibus, de acordo com todas as especificações técnicas.

– As condições de saúde de motoristas, equipes responsáveis pela manutenção dos ônibus e funcionários da área administrativa são acompanhadas diariamente pelas empresas. As medidas tomadas incluem medição de temperatura dos colaboradores, distribuição de máscaras e álcool gel e divulgação de orientações de como manter o ambiente de trabalho higienizado e a forma mais segura de se relacionar com os passageiros.

– As empresas também intensificaram a limpeza e a desinfecção do sistema de ar-condicionado dos ônibus, de forma a assegurar a renovação do ar nas condições exigidas pelas normas técnicas em vigor. No caso dos ônibus que permitam a abertura de janelas, todos vão circular com elas abertas, conforme as recomendações sanitárias.

– É importante ressaltar ainda que a retomada das operações após quase três meses de restrições impostas ao transporte público representa um enorme esforço operacional das empresas que permitirá a manutenção dos contratos de trabalho de mais de 75 mil rodoviários em todo o Estado.

– Desde o início da pandemia, as empresas têm convivido com um cenário totalmente desfavorável, com a redução drástica no número de passageiros transportados, a limitação da lotação dos ônibus e a suspensão de linhas intermunicipais. Operações deficitárias que comprometeram a capacidade financeira das empresas.

– A retomada das operações exigirá também um planejamento diário para o dimensionamento adequado da oferta de ônibus para atender a uma demanda de passageiros ainda incerta com a flexibilização das medidas de isolamento social.

– Nesta primeira semana, podem acontecer problemas pontuais para o atendimento pleno das necessidades da população, caso a procura pelo transporte supere em muito as expectativas, já que é necessária a convocação extra de rodoviários para o retorno ao trabalho, a limpeza e a higienização da frota adicional e a negociação com fornecedores, além da adequação da operação em virtude da concentração de passageiros nos horários de maior movimento, da distribuição de passageiros de gratuidades ao longo do dia e da eliminação das restrições de circulação pelos municípios.

– As empresas contam ainda com a conscientização e a colaboração da população para a obrigatoriedade do uso de máscaras nos ônibus e a ocupação dos veículos de forma limitada a passageiros sentados, mantendo o distanciamento indicado pelas autoridades de saúde.