A coordenadora executiva da ONG Rio Como Vamos, Thereza Lobo, ministrou palestra sobre a qualidade da mobilidade urbana no Rio, no auditório Jacob Barata, no Rio Ônibus, na manhã do dia 9 de abril, onde foi ouvida por representantes da Fetranspor, integrantes do sindicato e do Diálogo Jovem – que participaram ativamente do debate.

 

Com o mote do desenvolvimento do Plano Municipal de Mobilidade Urbana Sustentável e da criação da Câmara Metropolitana de Integração Governamental do Estado do Rio de Janeiro, em 2014, a Rio Como Vamos realizou um estudo acerca de experiências nacionais e internacionais da pesquisa de percepção dos usuários de serviços de transportes. Esse trabalho resultou na elaboração de uma proposta de Indicadores de Qualidade do Serviço do Transporte Público – tema da palestra de Thereza Lobo, que abordou desde os critérios utilizados na priorização de indicadores até o que pode ser feito a partir da contribuição da pesquisa.

 

Foto: Arthur Moura

Foto: Arthur Moura

 

“O objetivo da Rio Como Vamos é melhorar a qualidade da vida urbana. Nós batalhamos por isso. O desafio é melhorar a infraestrutura urbana, reduzir o impacto ambiental dos sistemas de transporte, para melhorar a qualidade de vida, e aumentar a segurança urbana relacionada a transportes. Mas para isso é preciso trabalhar na conservação da cidade”, enfatizou a palestrante.

 

O evento foi realizado pela área de Responsabilidade Social da Fetranspor.