Notícias

02/01/2019

Programa de Acessibilidade deve capacitar 14 mil motoristas até setembro de 2019

Na primeira etapa de treinamento do Programa de Acessibilidade, profissionais de cerca de 100 empresas de ônibus foram capacitados a atuarem como agentes autorizados a preparar profissionais para o correto manuseio de elevadores de acessibilidade dos diversos modelos e marcas. Atendendo à Norma ABNT NBR 15646:2016, a capacitação foi feita pelos fabricantes FocaBraun (237 educadores), Ortobrás (192) e Palfinger (34). A meta é capacitar 14,6 mil motoristas até setembro de 2019.

 

A medida é decorrente da aprovação da Lei 7907, e da Portaria 1421, do Detro, que exigem a certificação para motoristas de ônibus de linhas intermunicipais. Pesquisa recente da Federação, com 69 empresas do segmento, mostrou que mais de 5.500 ônibus têm algum tipo de equipamento de acessibilidade e demonstrou a necessidade de certificação de, pelo menos, 233 multiplicadores e 14.603 condutores.

 

Além do treinamento quanto às particularidades dos modelos, os cuidados que se deve ter na operação, possíveis riscos para motoristas e passageiros, 216 profissionais também tiveram aulas de técnicas pedagógicas, ministradas pelo coordenador do Programa, João Rodolfo, a fim de prepará-los para passarem os conhecimentos aos colegas da melhor forma possível. Foram capacitados 60 desses rodoviários também para utilização da PGA, Plataforma de Gestão da Aprendizagem, sistema pelo qual a Federação encaminhará ao Detro, a cada trimestre, o resultado das capacitações. O primeiro relatório deverá ser encaminhado ao órgão no próximo dia 10 de janeiro.

 

Nesta primeira fase do Programa, participaram empresas de ônibus dos seguintes sindicatos: Rio Ônibus, Setransduc, Setransol, Setranspas, Setrerj, Sindpass, Sinterj e Transônibus.