Notícias

03/11/2016

RioCard TI recebe prêmio por inovação tecnológica no combate à fraude

No dia 27 de outubro, durante o Symposium/ITxpo, em São Paulo, a RioCard TI recebeu um certificado da Gartner, empresa internacional de consultoria, como reconhecimento de excelência em inovação tecnológica para o setor de Transporte através do projeto antifraude.

 

Desenvolvido para a Fetranspor, o projeto inclui o ciclo completo de ações do processo: captura das imagens, transferência do material para os servidores, análise eletrônica e confirmação visual da fraude. Ainda há a utilização de um aplicativo que acessa o cadastro, a integração com o DETRAN e também o acompanhamento da aplicação da sansão contra o ato. “Atualmente, os softwares existentes no mercado só fazem a captura das imagens sem completar este ciclo mais seguro. O que fizemos foi criar um produto de melhor qualidade e de maior acerto”, explica Carlos Silveira, CEO da RioCard TI.

 

A solução utiliza a biometria facial. A comparação é feita entre a foto da pessoa que está utilizando o cartão e a foto do cadastro dos chamados titulares. Isso envolve um conjunto de imagens onde estão as do cadastro inicial, feito para solicitar o subsídio; as resultantes de um aplicativo criado pela RioCard TI para celulares e tablets que valida as informações da pessoa; e as que estão nos documentos de identidade, emitidos pelo Instituto Felix Pacheco ou pelo Detran. “Esse conjunto de fotos é acionado simultaneamente, e isso torna o sistema mais preciso do que as atuais versões. A Fetranspor é a única no mundo a ter algo assim. Hoje são quase três mil ônibus com a câmera e até o fim do ano devem ser nove mil. Agora é só aguardar essas instalações, pois o software está pronto”, afirma Silveira.

 

O sistema antifraude vem para combater um problema que atingiu níveis altíssimos de incidência e de impacto sobre a tarifa e, de acordo com Silveira, o Governo do Estado do Rio de Janeiro vai conseguir uma economia de aproximados R$ 50 milhões, quase 15% do orçamento destinado ao programa de gratuidade, que terá mais respaldo e menor risco de ser cortado.

 

Arte: Fetranspor

Arte: Fetranspor