Notícias

11/06/2018

Sest Senat e CNT promovem Programa de Prevenção de Acidentes

O Sest Senat, em parceria com a CNT (Confederação Nacional do Transporte), está desenvolvendo mais uma etapa do Programa CNT Sest Senat de Prevenção de Acidentes. A iniciativa prevê a realização de ações de caráter preventivo e socioeducativo, de marketing social e de saúde e qualidade de vida, por meio de serviços oferecidos gratuitamente aos trabalhadores do setor em todo o País.

 

As equipes do Sest Senat estão levando até os profissionais de transporte orientação sobre práticas e hábitos para um trânsito mais seguro, além de informações sobre os serviços oferecidos nas mais de 140 unidades operacionais em funcionamento. No Estado do Rio de Janeiro, as unidades de Deodoro, São Gonçalo, Barra Mansa e Duque de Caxias iniciarão ações visitando empresas de transportes de passageiros e de cargas, pontos de táxi, terminais rodoviários, posto de combustíveis e outros pontos de concentração de trabalhadores em transporte.

 

Foto: Divulgação / Sest Senat

Foto: Divulgação / Sest Senat

 

A meta do programa é atender 1 milhão de trabalhadores ao longo de um ano. Para a execução do programa foram adquiridas 55 vans adaptadas com TV, cadeiras, mesas e sistema de geolocalização. Cada veículo terá uma equipe especializada para passar as orientações sobre segurança no trânsito e prevenção de acidentes.

 

Além das atividades preventivas e socioeducativas que serão realizadas com as vans, o Programa CNT Sest Senat de Prevenção de Acidentes engloba outras ações, como os projetos Transportando Saúde nas Cidades e Saúde nos Portos. As duas iniciativas disponibilizam atendimentos gratuitos de saúde para os trabalhadores do transporte em seus locais de trabalho.

 

A primeira etapa do Transportando Saúde nas Cidades de 2018 foi realizada em maio e junho, com atendimentos específicos para taxistas em 17 cidades. Os motoristas de ônibus serão atendidos em duas ações, nos meses de agosto e setembro, e os caminhoneiros, em outubro e novembro. Até o fim do ano, as ações serão realizadas em mais de 80 cidades. No projeto Saúde nos Portos, o alvo são os trabalhadores portuários e os caminhoneiros que trabalham nos terminais. O calendário deve ser divulgado em breve.

 

Em todas essas ações, os profissionais do transporte recebem dicas nutricionais e orientações sobre os riscos do uso de álcool e drogas, atendimentos de saúde bucal, aferição de pressão arterial e aulas de alongamento, com foco na prevenção de doenças da coluna e orientação sobre a boa postura corporal. Além disso, são realizadas sensibilizações do projeto Proteção – Ações de Enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias, que visa a conscientizar trabalhadores do transporte e sociedade civil sobre a importância do tema.